Banner-Site-fw-fw

Especial Rock In Rio: Ellie Goulding




E aí, pessoal, tudo bem com vocês?


Espero que sim!


Hoje é dia de música no Startes! Apesar de ser um dos temas dos quais nos propomos a falar logo assim que criamos o site, acabamos nos perdendo em meio a resenhas literárias e críticas de filmes e séries. Felizmente, agora temos a chance de mudar essa realidade porque hoje dia 27 de setembro de 2019 se dá o início o Rock In Rio, um dos festivais de música mais conhecidos e populares de todo o mundo. Serão 7 dias de evento que contam com nomes nacionais e internacionais dos mais diversos estilos e gêneros musicais. Para tal, resolvemos iniciar uma série especial aqui no site que irá funcionar da seguinte maneira: Nos dias dos shows, eu e Roberto iremos nos revezar para trazer um texto especial sobre algum artista ou banda que se apresentará nos palcos do evento. Para tal, nesses posts especiais iremos conversar um pouquinho sobre a carreira do(a) artista, passear sobre sua discografia, apontar os principais hits e, por fim, propor uma brincadeira muito divertida: Iremos montar uma playlist das músicas que gostaríamos de ouvir no show para que possamos comparar com as músicas apresentadas. É uma ótima maneira de descobrirmos músicas novas, não é mesmo? Já gostaria de pedir a ajuda de vocês para embarcarem nessa aventura conosco e deixarem nos comentários a setlist que vocês gostariam de ouvir de cada um dos artistas escolhidos.

Hoje, primeiro dia do evento irão se apresentar além da escolhida para a postagem o DJ Alok, Bebe Rexha e Drake como atração principal, no entanto, iremos falar sobre a hitmaker Ellie Goulding e como sua música suave tem conquistado e arrebatado fãs ao longo de todo o mundo.

Vamos lá? 

1º Álbum: Lights | Bright Lights 



Lançamento: 26 de fevereiro de 2010 | 29 de novembro de 2010
Gênero: Indie pop, electropop, synthpop, folktronica
Gravadora(s): Polydor, Cherrytree, Interscope, Universal Music
Número de Faixas: 10 (versão Lights) | 17 (versão Bright Lights)
Cópias vendidas: 2.500.000
Certificações: Reino Unido: 2× Platina




Em seu álbum de estreia, Ellie já começou com o pé direito. Lançado em 1º de março de 2010, o álbum apresenta bem o estilo pop eletrônico do qual a artista ficou conhecida. O sucesso do album foi tanto que no mesmo ano, em novembro, o mesmo foi relançado sob o título Bright Lights que contava com mais seis faixas especiais. Estima-se que o álbum vendeu em torno de 2.500.000 mundo a fora. O album colocou em evidência o nome da Ellie e mesmo que a fama ainda estivesse por vir, foi em seu álbum de estreia que a artista produziu e lançou um de seus maiores e mais conhecidos hits,  a canção Lights. O álbum foi gravado e produzido entre os anos de 2008 e 2009 e segundo a própria cantora, Lights é constituído por músicas todas feitas em um violão durante cerca de dois anos e que falam sobre as vitórias e os fracassos dos relacionamentos. Desde seu álbum de estreia, Ellie mescla elementos da música folk e eletrônica em suas composições o que se tornou uma de suas marcas mais conhecidas. O álbum contou com 6 singles oficiais lançados entre os anos de 2009 e 2011: Under the Sheets, Starry Eyed, Guns and Horses, The Writer, Your Song e Lights, sendo os dois últimos lançamentos como singles para promover a nova versão do álbum, Bright Ligts. O álbum eu seu geral, recebeu boas críticas e avaliações e acumulou um total de 65 pontos no Metacritic. O mesmo não recebeu nenhuma indicação as principais premiações de músicas, no entanto, possui a certificação dupla de platina em seu país de Origem, o que deu a Ellie o espaço necessário para trabalhar em seu álbum seguinte. 

2º Álbum: Halcyon | Halcyon Days


Lançamento: 8 de outubro de 2012 | 23 de agosto de 2013
Gênero: Indie pop, synthpop, dream popdance, alternativo
Gravadora(s): Polydor
Número de Faixas: 12 (versão Halcyon) | 22 (versão Halcyon Days)
Cópias vendidas: 1.000.000
Certificações: RIAA: Platina



Animada com o número expressivo de vendas de seu álbum de estreia e pelo sucesso de seu single Lights, Ellie retornou aos estúdios entre os anos de 2011 e 2012, logo após o término da divulgação de seu álbum. Ellie se juntou novamente com seus produtores e em 8 de outubro de 2012 chegou ao mercado seu segundo álbum chamado de Halcyon, cujo primeiro single era "Anything Could Happen"; o vídeo da canção foi gravado utilizando fotos enviadas pelos fãs da cantora. Segundo uma entrevista dada por Ellie durante o lançamento do álbum, ela explicou que o título do disco é uma homenagem para uma espécie de ave que basicamente durante o inverno deposita seus ovos junto ao mar, e o nome signifca bem a vibe do álbum, cuja a maioria das canções possuem a temática de oceano e água. O álbum foi bem recebido pela crítica, cujas principais observações foram com relação às composições que estavam mais maduras quando comparadas com as de seu álbum anterior, ainda que mantivessem o mesmo estilo eletrônico e dançante. Halcyon contou com ainda mais dois singles antes de seu relançamento: Figure 8 e Explosions, no entanto, o grande boom do álbum ainda estava por vir. 

Logo após o lançamento de Halcyon, Ellie anunciou que estava planejando realizar o relançamento do álbum e que estava trabalhando em novas composições que fariam parte do projeto que chegou ao mercado em 23 de agosto de 2013, intitulado como Halcyon Days. Para seu novo projeto, Ellie trabalhou com nomes de peso da música eletrônica como Calvin Harris e Greg Kurstin. O relançamento do álbum trouxe de volta as 12 músicas de sua versão anterior e mais 12 canções inéditas que mantiveram o mesmo estilo dançante das canções anteriores. O single de estreia do album foi o mega hit Burn que alcançou fama internacional e se transformou no maior sucesso de Ellie até então. A canção atingiu boas posições nas paradas de música em países como Brasil e Itália e foi a primeira canção da artista a atingir o topo da paradas britânicas e consolidou Ellie como uma grande artista, alavancando sua carreira e ganhando o título de hitmaker. A edição relançada do álbum também contou com outros dois singles, How Long Will I love You e Goodness Gracious, que foi co-escrita por Nate Fuss, vocalista da banda Fun. Ambas canções alcançaram boas posições a nível mundial e estima-se que o álbum já tenha vendido mais de 2 milhões de cópia mundo a fora. 

3º Álbum: Delirium 


Lançamento: 6 de novembro de 2015
Gênero: Pop
Gravadora: Polydor
Número de Faixas: 16
Cópias Vendidas: 1.000.00
Certificações: RIAA: Platina 






O trabalho mais recente da cantora foi lançado em 6 de novembro de 2015 e até então, apesar da cantora já ter lançado alguns singles durante o ano de 2019, ainda não existe nenhuma previsão para a data de lançamento ou qualquer outra informação a respeito de seu novo álbum. 

Em Delirium, seu terceiro álbum de estúdio, Ellie passa por uma transformação e explora mais a música POP, deixando um pouco de lado a música eletrônica e folk utilizados em seus dois primeiros álbuns. Vale lembrar que em 2015, época do lançamento de seu álbum, Ellie já estava consolidada no mercado e tida como um dos grandes nomes da geração, cujas composições doces e sua voz suave alcaçaram o mundo inteiro. Iremos comentar mais adiante sobre como o trabalho de Ellie como compositora alavancou sua carreira e a mesma possui um vasto acervo de músicas que embalaram grandes filmes, mas em Delirium, Ellie buscou explorar seu lado mais orgânico e alternativo. A decisão não foi arbitrária e da noite por dia. Segundo a própria cantora:

Uma parte de mim enxerga a ideia de criar um grande álbum pop como um experimento; eu tomei uma decisão consciente de que eu queria que o material fosse de outro nível.

O álbum seguiu agradando a crítica e o público e até o momento é o mais bem avaliado da artista no Metacritic, contando com 70 pontos. Com uma divulgação mais tímida, os singles não tiveram o mesmo impacto mundial de seus anteriores, mas se mantiveram estáveis e rentáveis para a artista. Delirium contou com 3 singles, sendo eles: On My Mind, a balada romântica dedicada para os fãs, Army e a dançante Something in the Way You Move.

A versão deluxe do álbum foi lançada contendo algumas de suas músicas mais famosas, mas que fizeram parte de parcerias ou integram alguma trilha sonora, como Love Me Like You Do, trilha sonora de Cinquenta Tons de Cinza, a canção Outside, presente no álbum de Calvin Harris e Powerfull, sua colaboração com o grupo Major Lazer. 

Os Hits


Como citei anteriormente, Ellie Goulding possui um vasto acervo de hits que não chegaram a fazer parte de sua discografia oficial, sendo lançados como músicas independentes, participações em projetos de outros artistas ou lançadas como trilhas sonoras de filmes e outras produções. Talvez o exemplo mais claro e fácil de visualizar é o mega hit Love Me Like You Do que integrou a trilha sonora do filme Cinquenta Tons de Cinza, lançado em 2015. A música foi massivamente tocada literalmente em todos os 4 cantos do mundo e certamente você já ouviu essa música em algum lugar, nem que seja na fila da loja de conveniências. Love Me Like You Do se tornou a música mais conhecida da artista, no entanto, Ellie também participou de outras trilhas sonoras desde o início de sua carreira. Lá em 2012, ela lançou a música I Know You Care, música tema do filme Agora e Para Sempre. Ainda no mesmo ano, Ellie lançou a música Bittersweet que fez parte da trilha sonora Saga Crepúsculo – Amanhecer parte 2. How Long Will I Love you, segundo single de seu álbum relançado Halycon Days integrou a trilha sonora do romance Questão de Tempo. Ao longo dos anos, diversas músicas de seus álbuns foram utilizadas em produções e algumas foram feitas exclusivamente para a utilização em filmes e séries. Em uma das mais recentes, a canção Still Falling For You foi tema do filme O Bebê de Bridget Jones, lançado em 2016. 

Ellie Goulding possui uma voz doce e suave que, em um conjunto com suas composições poderosas, trasnformam as músicas em verdadeiros hits. Sejam em parcerias, em trilhas sonoras ou canções de seus álbuns, suas músicas são conhecidas por todo mundo e ainda podemos esperar muito da jovem britânica. No ano de 2019, Ellie já lançou algumas músicas, como a parceria com Diplo Close To Me, as dançante Sixteen e  Hate Me com Juice WRLD e a sensível balada Flux. Ainda não sabemos se fazem parte do quarto álbum de estúdio da cantora, mas já sabemos que podemos esperar um verdadeiro show de hits no palco mundo do Rock In Rio.

Playlist Startes


Confesso que não conhecia muito da carreira da Ellie, além dos mega hits que tenho certeza você também conhecia. Pra fazer esse texto, precisei pesquisar muito sobre sua carreira e também tive a oportunidade de ouvir seus três álbuns. Ellie é uma artista sólida e uma das grandes apostas para o mundo pop. Desde sua primeira aparição em 2010, a artista tem conquistado cada vez mais destaque entre os grandes nomes da música. Para tal, resolvi montar uma playlist com suas melhores músicas e que espero que façam parte de seu show do Rock in Rio, vamos ver se acerto. Vou deixar aqui embaixo a playlist criada no Spotify, é só dar play e curtir.


Espero muito que vocês tenham gostado dessa postagem especial e fiquem ligados que durante os dias em que o Rock in Rio ocorrer, sempre haverá uma post sobre algum artista que irá subir aos palcos. Não se esqueçam de compartilhar com aquele seu amigo que irá ao show e de também montar aqui nos comentários a sua setlist para o show da Ellie Goulding.

Fiquem ligados para muitas novidades!



Postar um comentário

0 Comentários