Banner-Site-fw-fw

Mindhunter | Netflix



O quanto você conhece quem está ao seu lado?



Olá Starters! Tudo bem?

sim, eu sei, estou meio sumido do site. O Gabs teve que cobrir o sábado passado, tive alguns problemas e não consegui escrever/terminar nada que eu tinha em mente, por isso peço desculpas!

Mas hoje, trago à vocês uma série que me deixou ansioso e pensando em como existem pessoas ruins nesse mundo pelo simples fato de serem. MINDHUNTER!

Lembrando também, que estamos começando com nosso canal no youtube! e você pode nos ajudar DEMAIS, clicando AQUI e se inscrevendo no canal e divulgando! Teremos vídeos a partir de semana que vem.

Vamos começar?

Título Original: Mindhunter
Data de exibição: 13 de outubro de 2017
Gênero: Suspense, crime, investigativo
Distribuidora: Netflix
Criador: Joe Penhall
Número de episódios: 2 temporadas
Sinopse: Mindhunter é uma série de televisão norte-americana de drama policial criada por Joe Penhall, e baseada no livro Mind Hunter: Inside the FBI's Elite Serial Crime Unit escrito por John E. Douglas e Mark Olshaker.

Situado no final da década de 1970, dois agentes do FBI, Bill Tench (Holt McCallany) e Holden Ford  (Jonathan Groff) junto à Dra. Wendy Carr (Anna Torv) criam a divisão de Unidade de Ciência Comportamental e viajam o país entrevistando os mais famosos assassinos em série, tentando criar um perfil que auxilie a captura de futuros assassinos.

Um aspecto que pra mim é completamente alucinate e até um pouco perturbador é o fato de que todos os assassinos em série que são mostrados na série, são assassinos REAIS, pessoas (se é que podemos chama-los assim) extremamente doentias que sentiam prazer(no sentido sexual da palavra) em infligir dor e morte.

Embaixo algumas fotos comparando alguns dos assassinos que são mostrados na série:

Ed Kemper

Edmund Emil "Big Ed" Kemper III é um serial killer e necrófilo norte-americano, acusado de 10 assassinatos, incluindo o de sua própria mãe, Clarnell Strandberg-Kemper. Impressionante em seu tamanho e peso e com um QI de 145, ele começou sua série de assassinatos matando seus avós com a idade de quinze anos.



Richard Speck


Richard Benjamin Speck foi um assassino em massa e estuprador norte-americano que aos 24 anos, invadiu uma casa em Chicago, em 1966, e matou oito enfermeiras com estrangulamento e com facadas.




Elmer Henley

Elmer Wayne Henley, Jr. (nascido a 9 de Maio de 1956) é um assassino em série americano condenado, encarcerado no sistema do Departamento de Justiça Criminal do Texas (TDCJ). Henley foi condenado em 1974 pelo seu papel numa série de homicídios em Houston, texas, entre 1970 e 1973 onde pelo menos 28 rapazes adolescentes foram raptados, torturados, violados e mortos por Dean Corll. Muitas das vítimas foram atraídas à casa de Corll por Henley ou por outros cúmplice de Corll, David Brooks. Corll foi morto a tiro por Henley, na altura com 17 anos, a 8 de Agosto de 1973.


David Berkowitz

David Richard Berkowitz, também conhecido como o Filho de Sam e o Assassino da Calibre .44 é um assassino em série estadunidense, que aterrorizou a cidade de Nova Iorque com seus crimes, praticados durante julho de 1976 e agosto de 1977, até ser preso. 





William Pierce Jr.

William "Junior" Pierce é um serial killer condenado que foi condenado à prisão perpétua em 1971 e atualmente está encarcerado na Prisão de Diagnóstico e Classificação da Geórgia.






William Hance

William Henry Hance era um soldado americano e assassino em série que se acredita ter matado quatro mulheres dentro e ao redor de bases militares antes de sua prisão em 1978. Ele foi condenado por matar três delas, e não levado a julgamento no quarto. Ele foi executado pelo estado da Geórgia na cadeira elétrica.




Charles Manson

Charles Milles Manson, nascido Charles Milles Maddox, foi o fundador e líder de um grupo que cometeu vários assassinatos nos Estados Unidos no fim dos anos 1960, entre eles o da atriz Sharon Tate, esposa do diretor de cinema Roman Polanski.



Tex Watson

Charles Denton Watson, mais conhecido como "Tex" Watson, é um homicida norte-americano, antigo membro da Família Manson, condenado pelos assassinatos de Sharon Tate, Jay Sebring, Abigail Folger, Steven Parent, Wojciech Frykowski, Leno LaBianca e Rosemary La Bianca, acontecidos nas noites de 9 e 10 de agosto de 1969, em Los Angeles.


Dennis Rader

 Dennis Rader é um assassino em série Norte-americano, que matou 10 pessoas no Condado de Sedgwick, entre 1974 e 1991. Foi preso em 2005. Ele é conhecido como O Assassino BTK.

Wayne Williams

Wayne Bertram Williams é um assassino americano que cumpre prisão perpétua pelo assassinato de dois homens adultos em Atlanta, Geórgia, em 1981, e acredita-se que a polícia seja responsável por pelo menos 23 dos 30 assassinatos de Atlanta em 1979-1981, ou pelos assassinatos de crianças em Atlanta.



Para quem gosta de histórias policiais e investigativas, Mindhunter além de ser um prato cheio para todas essas pessoas, ainda sai do padrão "um caso por episódio" apresentado por todos as séries policiais da atualidade.

Agora, entrando num aspecto mais técnico, a série é muito bem ambientada para sua época tendo a fotografia e filmagem absurdamente lindas, mas sendo MUITO honesto, o que me arrepia e me deixa sempre na ponta da cadeira, eu devo dizer que com toda certeza é a trilha sonora. Ela nos deixa tenso até mesmo quando não deveria existir motivo para se sentir assim, fazendo um trabalho ainda melhor nas cenas mais importantes. BRAVO!!


Em conclusão, a série é maravilhosa, e sua segunda temporada só aumenta ainda mais o nível, deixando várias pontas soltas sobre como a história vai se desenrolar, então, para os amantes de séries essa é uma parada obrigatória!

NOTA 5,0/5,0









Postar um comentário

0 Comentários