Banner-Site-fw-fw

Star Wars: Rise of Skywalker | Crítica


Star Wars: The Rise of Skywalker (2019) Cover




Olá olá senhoras e senhores do startes!!! Cá estou novamente para falar sobre Star Wars, dessa vez Rise of Skywalker!! Após digerir o filme, e tentar entender se ele fez mal ou bem durante a digestão parei para escrever a minha crítica do filme, então senta aí, usa a força pra puxar sua água até a sua mão (hidratem-se), e vamos para a review!

Resultado de imagem para star wars the rise of skywalker
Data de lançamento: 19 de dezembro de 2019
Direção: J.J Abrams
Ttrilha sonora: John Williams
Autor: Geroge Lucas
Roteiro: J.J Abrams, Chris Terrio
Duração: 2 horas e 22 minutos

Star Wars rise of Skywalker é um filme que me deixou com sentimentos mistos, pessoalmente achei muito melhor do que The Last jedi (o que pra mim não é difícil)
Seguindo o moledo do último post irei dividir a review em algumas partes: personagens, roteiro e direção.

Personagens:


Em Star Wars: Rise of Skywalker nós temos um desenvolvimento bem sólido da Rey bem como de Kylo Ren, coisa que faltou nos últimos filmes, e algo que potencializa o filme demais e faz com que ele seja bem melhor do que os outros quanto ao quesito personagens. Diferente dos dois filmes anteriores a motivação dos protagonistas está bem mais clara e bem mais fácil de fazer o espectador se identificar e se interessar mais na história. E olha, finalmente a rey faz algum treinamento! Apareceu tarde, mas, antes tarde do que nunca não é mesmo?

Infelizmente essa parte veio tarde na trilogia, enquanto os episódios anteriores não desenvolveram bem os personagens, Rise of Skywalker acaba tendo que fazer isso de maneira corrida, então por mais que seja bem feito, não tem tempo o suficiente para desenvolver o tanto que seria necessário.
JJ Abrams fez um bom trabalho com os personagens, porém infelizmente devido às falhas dos filmes anteriores não foi o suficiente para que o filme ficasse redondo nesse aspecto.

Roteiro:

Star Wars: The Rise of Skywalker tem provavelmente o melhor roteiro da trama. Infelizmente com diversos furos no mesmo assim como já havíamos visto nos filmes anteriores da trilogia. Ainda assim, eu diria que tem arcos muito bem definidos ao longo do filme, e o mesmo te prende e te diverte durante a trama.

Rise of Skywalker foi de longe o filme da nova trilogia de Star Wars com mais ação, as batalhas (diferente da batalha na sala do trono que temos no episódio 8) são muito bem coreografadas, e da pra sentir o peso nos golpes dos personagens. A ação do filme é espetacular, pessoalmente ainda prefiro uns 3 ou 4 combates que tivemos nas prequels (Só não digo que são perfeitos porque parece que nas prequels todo mundo tem uma tara bem esquisita em balançar o sabre a esmo durante o combate, vai entender…), destaque especial para a luta do Obi-Wan contra Anakin ao final do episódio 3, que salvo os memes, é uma ótima luta. Dito isso consigo encaixar algumas cenas de combate que tivemos agora no episódio 9 em um top 6 lutas com sabre de luz sem muita dificuldade.

jamais esqueçam dessa cena:

Uma coisa notável no filme é que o diretor JJ Abrams acabou tendo que adaptar diversas coisas no roteiro para que o filme se encaixasse com a monstruosidade terrível que foi The Last Jedi, e evitando spoilers há uma cena onde o mesmo da uma leve alfinetada no Ryan Jhonson pelas decisões tomadas para o filme anterior.

Há uma coisa porém que me incomoda bastante. Não é supresa para ninguém que Palpatine está presente neste filme. E por que isso é um problema ao meu ver? Bom… Pela própria profecia que é mostrada nos episódios 1, 2 e 3, e pelo fato que de o próprio Geroge Lucas já havia comentado sobre a mesma. Mas você deve estar confuso com o que eu estou falando agora, então deixa eu explicar melhor. A profecia mostrada nos episódios 1, 2 e 3 era de que o Anakin seria aquele destinado à trazer o equilíbrio de volta para a força e seria ele a acabar com os siths, e isso de fato acontece… “Ué, mas Matheus, você ta maluco, ele acabou com os Jedis e virou o Darth Vader!!”. Eu sei que você pensou isso, mas acalme-se, por mais que isso também seja verdade, nós vemos que no episódio 6, ao perceber que seu filho seria morto, Darth Vader volta a ser Anakin Skywalker e se lança contra o imperador Palpatine o jogando no núcleo da nave, onde o mesmo simplesmente explode! E logo após, devido a ação tomada por Anakin para salvar Luke, ele mesmo acaba por falecer logo após… Ou seja… No final das contas, ele realmente acaba com os Siths, ele mesmo, e o Imperador. Dito isso, não seria possível que Palpatine ainda estivesse vivo, pois se fosse o caso, a profecia seria falsa, e a mesma foi confirmada pelo Geroge Lucas como sendo verdadeira. E é por isso que eu acho como sendo um terrível furo no roteiro que Palpatine tenha retornado.

No geral, o roteiro do filme é bom, infelizmente ele tenta concertar problemas criados nos filmes anteriores em pouco tempo, então acaba não conseguindo contar o que há de ser contado e arrumar as falhas de seus antecessores de uma vez só. Ainda assim, dos 3 últimos filmes, achei o mais interessante.

Direção:


Eu poderia resumir, em uma palavra, “espetacular”. Independente de qualquer um dos problemas que o filme tenha, ainda é uma produção da Disney, com dinheiro infinito à disposição, e com um diretor muito experiente liderando o projeto, então simplesmente não há o que ser dito, visualmente o filme é deslumbrante, os efeitos sonoros são fenomenais, os ângulos de câmera expendidos, e os efeitos práticos perfeitos.

Como todos já é de costume em termos técnicos não há o que reclamar quanto as produções da Disney. E todos nós sabemos disso.

Conclusão:


Star Wars: Rise of Skywalker é um filme fenomenal para as pessoas que não são fãs hardcore de Star Wars, mas simpatizam com o universo. Como toda produção da gigante dos filmes de cultura pop da última década, é o tipo de filme que diverte fácil. Todavia, para aqueles que respiram Star Wars, e amam o universo do fundo do coração, pode ser decepcionante. Mas se você sobreviveu ao desastre astronômico que foi o episódio 8, esse definitivamente não será um problema tão grande.

Nota: 6.8/ 10

E ai, o que vocês acharam de Star Wars: Rise of Skywalker? Curtiram? Odiaram? Indiferente? A gente se vê na próxima, e é claro, que a força esteja com vocês!


Postar um comentário

0 Comentários